Blog

Como Transformar seu site WordPress em uma Máquina Automática de Vendas (Parte III)

Transformar seu site WordPress em uma Máquina Automática de Vendas
Empreendedorismo Digital Tutoriais

Como Transformar seu site WordPress em uma Máquina Automática de Vendas (Parte III)

Como gerar mais confiança no seu potencial cliente quanto à compra

[serialposts]

A maioria das pessoas na internet não vão simplesmente dar dinheiro à você, a menos que você preencha as três condições básicas:

  • Eles precisam sentir que você tem exatamente o que eles querem;
  • Eles precisam sentir que vão saber como tudo deve funcionar;
  • Eles precisam sentir que podem confiar em você.

Felizmente, você pode automatizar o seu site para ajudar a satisfazer seus potenciais clientes para todas estas três condições.

Na Parte II da série, mostrei a você que cada potencial cliente chega até o seu site com perguntas, e é seu trabalho responder cada uma delas. Minha ideia fazer você entender que precisa mostrar que você tem exatamente o que eles querem. Você pode trabalhar isso nas principais áreas de conteúdo do site, sendo o mais específico possível sobre os produtos e/ou serviços que você oferece. E isso, é exatamente a condição #1 acima: Eles precisam sentir que você tem exatamente o que eles querem.

Nesta terceira e última parte, vamos nos concentrar em resolver a condição #2: Eles precisam sentir que vão saber como tudo deve funcionar.

Talvez a maneira mais fácil de fazer isso seja com uma seção de Perguntas Frequentes. Provavelmente você ainda está respondendo as perguntas desta seção, mas o conteúdo será diferente do conteúdo principal do site. O conteúdo principal do seu site, será sobre quais produtos/serviços exatamente você oferece. Já em sua seção FAQ, você vai se concentrar em todas as questões que envolvem esses produtos e serviços.

Aqui estão alguns exemplos de perguntas para a seção FAQ:

  • Quanto tempo vai demorar para entregar?
  • Quanto é o transporte/frete?
  • Como posso pagar?
  • O ABC faz XYZ?
  • E se eu quiser mudar alguma coisa?
  • Posso ter X com Y?
  • Posso trocar A por B?

É claro que estas perguntas variarão de acordo com seus produtos e serviços, mas geralmente estas perguntas devem girar em torno de logística ou funcionalidade.

Ajuda do AdWords

Você pode até achar que está repetindo na seção de FAQ, o que já “respondeu” no conteúdo principal do site, mas é assim mesmo! Se é uma “pergunta frequente” significa que é importante o suficiente para respondê-la em vários lugares.

Estratégia

Um das características mais incríveis do WordPress, é que existe um plugin para quase tudo. E claro, existem plugins de FAQ que você pode utilizar. A menos que você tenha uma seção de FAQ muito pequena ou se seu tema oferece um shortcode/recurso para exibição de FAQs, você vai querer utilizar um desses plugins, porque eles ajudarão a organizar as informações, e permitirão a manutenção desta seção com mais facilidade.

10 dicas para você construir uma seção FAQ matadora

Aqui estão as dicas que vão ajudar você na construção de um seção FAQ no seu site

#1. Copie os “Big Boys”

Se há algum site estabelecido no seu mercado, então, veja como eles fazem. Se você está apenas começando em seu nicho, você pode não estar ciente de todas as perguntas mais frequentes que possam surgir. Mas, um site já estabelecido, certamente saberá. Claro, não é “roubar” sua Copy exata, mas buscar ideias a partir deles.

Uma sacada legal, é que você não necessariamente precisa apenas observar e ter ideias apenas de sites do seu mercado. Amazon, por exemplo, é um bom lugar para obter ideias. Eles testam este tipo de coisa incansavelmente.

Então, por que reinventar a roda? Economize um dinheirão fazendo todos estes testes, é só “copiar” o que eles estão fazendo.

Talvez você não tenha ouvido isso, e também não posso afirmar que seja verdade, mas ouvi dizer que o Burguer King fez exatamente isso. Em vez de investirem pesquisando e descobrindo onde seriam os melhores lugares para colocar seus restaurantes, eles deixam o McDonald’s gastarem seu dinheiro fazendo toda a pesquisa de mercado, então, eles simplesmente se estabeleciam na mesma rua onde o McDonald’s se instalou. Isso é inteligência? Quero ver o que você pensa sobre isso nos comentários.

mcdonalds vs. burgerking

#2. Considere seu mercado ao nomear sua seção FAQ

Considere dar outro nome a sua seção de perguntas frequentes, caso esse não seja um nome tão amigável ao seu público. Talvez seu público se identifique melhor com algo como “Ajuda”, ou simplesmente “Perguntas”, ou quem sabe “Suporte”. Tenha em mente que as pessoas podem são saber o que significa FAQ.

Amazon.com.br > Ajuda

#3. Considere usar perguntas

Ajuda da Microsoft

Embora seja uma seção FAQ, muitos sites não utilizam realmente o formato de pergunta e resposta. Alguns usam um formato de “tópico”. Por exemplo:

Título no formato de tópico: Entrega/Frete

Título no formato Q&A (Pergunta e Resposta): Quanto é o Frete?

Talvez você me pergunte: “Mas qual é a diferença?” Bem, às vezes pode não haver nenhuma diferença. No entanto, o formato Q&A, pode funcionar bem em algumas das seguintes situações:

  • Quando as perguntas são muito comuns e a maioria das pessoa utilizariam desta forma (Ex: Quanto custa o frete?)
  • Quando estimularia o comprador a ler mais, mesmo quando ele não sabe exatamente que pergunta deve fazer. Se você faz as perguntas para ele, deve engajá-lo melhor. Uma vez que tenha lido a pergunta, há grandes chances dele querer ler a resposta.

Por exemplo, digamos que você ofereça serviços de WebDesign, e o tema seja logotipos de empresas.

Título no formato de tópico: Logos
Título no formato Q&A: Você pode criar um logotipo para mim?

Alguém que compra serviços de webdesign pode ser tão sobrecarregado com tantas opções, que pode se esquecer de um logotipo (ou se eles deveriam pagar por um). Perguntas que você possa “enquadrar” o tema de uma forma que ajude seus visitantes a enxergarem a informação no que contexto que você gostaria.

Mas, no geral, fazer perguntas tende a ser mais envolvente.

#4. Tornar suas Perguntas/Tópicos clicáveis

Se você tiver mais do que algumas poucas perguntas em sua seção FAQ, então você deve tornar as perguntas clicáveis. Isso permite ao usuário navegar rapidamente nos diferentes tópicos. Por exemplo, se você listou cada pergunta com uma resposta debaixo dela, encontrar apenas a pergunta certa se tornaria mais difícil.

Ajuda do Google AdWords

Escolher um bom plugin de FAQ deve tornar isso fácil.

#5. Organizar FAQs longas por categoria

Se você tem uma seção FAQ muito longa, deve organizá-la primeiramente em categorias. (Veja o exemplo anterior)

Novamente, um bom plugin de FAQ deve tornar isso fácil para você.

#6. Torne as respostas “fáceis de digerir”

Sobre o Hangouts > Ajuda do Google

  • Se uma resposta tem vários parágrafos, considere dividí-la em várias perguntas diferentes.;
  • Use listas (marcadores) sempre que possível;
  • Use espaços em branco para melhorar a legibilidade;
  • Não tente vender na sua seção FAQ. Dê respostas diretas, informativas.

#7. Considere usar um sistema de classificação

Ter algum sistema de classificação pode ajudá-lo a obter algum feedback sobre como você está respondendo às perguntas das pessoas – Se bem ou não. Esse feedback pode mostrar onde você pode melhorar para ajudar seus potenciais compradores.

Ajuda do AdWords

Mais uma vez, um bom plugin de FAQ pode ajudá-lo.

E você poderia utilizar este sistema de classificação de forma aberta ou pública, onde as pessoas poderiam ver a pontuação que seus usuários atribuíram, ou de forma privada, onde apenas quem deu a nota e você saberão.

Talvez você prefira utilizar um sistema privado (fechado), especialmente se você não for responder rapidamente. Além disso, considere que algumas pessoas poderiam dar respostas negativas, até mesmo sobre não ter obtido a resposta que gostariam, talvez por estarem vendo a pergunta errada.

#8. Facilite os comentários

Ajuda do Windows

Se o seu plugin de FAQ não permite que os visitantes deixem um feedback detalhado, certifique-se que você tem um e-mail ou um formulário de contato, ou link para um formulário de contato na parte inferior de cada resposta.

Caso seus visitantes não encontrem as respostas que precisam, podem utilizar outros recursos.

#9. Tenha tutoriais (se necessário)

Se você escreveu uma FAQ e percebeu que está muito longa, mas não necessariamente para dividi-la em categoria como falamos no tópico #5, você pode querer criar um tutorial com mais profundidade para seus visitantes. Você pode colocar o link para o tutorial na sua seção de FAQ, junto da resposta.

No exemplo anterior, você pode perceber que há um vídeo tutorial na página.

#10. Torne sua seção FAQ fácil de encontrar

Você deve se certificar de colocar um link para sua seção de FAQ no seu Menu Principal. Além disso, deve incluir um link no rodapé, caso tenha links no seu rodapé. Muitas pessoas já se acostumaram a ir até a parte inferior da página para encontrar links de Ajuda/Suporte/FAQ.

O menu do rodapé é excelente para isso. Além de ser fácil linkar para sua seção FAQ de lá, você também pode querer colocar algumas das perguntas mais frequentes por lá, se forem perguntas que muitas pessoas fazem. (Veja a análise da página abaixo).

Análise de Página

Tente pesquisar sites do seu nicho e observe como eles trabalham a questão da ajudar.

Aqui estão algumas análises de uma página de ajuda para o Windows, tente perceber cada detalhe que falamos nesta página (marquei para facilitar):

Review da Página de Ajuda do Windows

Conclusão

[Tweet “Lembre-se: Seus potenciais clientes têm Perguntas – Você precisa ter respostas!”]

Lembra do que falamos na Parte II desta série?

Você deve concentrar seus esforços para responder a todas as perguntas dos seus potenciais compradores.

Em primeiro lugar, você precisa perceber que cada um deles têm perguntas. Em seguida, você deve fazer o seu melhor para determinar quais são essas perguntas. Sem conhecer suas perguntas, você não tem como dar-lhes as respostas certas.

Quando as pessoas não encontram as respostas que procuram, geralmente, elas simplesmente vão embora. Se você tiver muita sorte (eu não contaria com isso), elas entrarão em contato com você para perguntar.

Se você for mesmo sortudo, você será bombardeado com e-mails e telefonemas… Mas, se você for esperto, vai seguir minhas dicas e automatizar tudo desde o início, e deixar que seu site faça todo o trabalho.

Espero que você tenha entendido cada dica, cada sacada, e aplicando-as em seus negócios, seus sites, possa realmente transformar seu site em uma máquina automática de vendas.

Se você precisar de um plugin de FAQ, eu recomendo o BWL Advanced FAQ Manager.

Agora é sua vez…

Gostaria muitíssimo se você pudesse escrever seus comentários abaixo dizendo o que pensa a respeito desta série de três posts que mostramos como vender mais através do seu site. Você deve inscrever seu nome e e-mail também abaixo, para receber nossas melhores dicas e os novos conteúdo que vamos publicar por aqui.

Se quiser tirar o máximo de proveito deste conteúdo, você deve seguir esta regrinha: Aprender > Aplicar > Compartilhar.

Nos vemos no próximo post,

Assinatura Asllan Maciel
Série Completa:

[serialposts]

Deixe seu comentário aqui...

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site (por meio de análise), mostrar a você conteúdo de mídia social e anúncios relevantes. Por favor, consulte nossa página Termos & Políticas para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'. OBS: Ao continuar a navegação, você, automaticamente, concorda.

Configurações de Cookies

Abaixo, você pode escolher os tipos de cookies que quer permitir neste site. Clique no botão "Salvar Configurações de Cookies" para aplicar sua escolha.

FuncionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalíticoNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de a.o. a usabilidade.

Mídia SocialNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

PublicidadeNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OutrosNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços que não são analíticos, mídia social ou publicidade.