Conta / Painel

HEADER MOBILE

  • Home
  • Tutoriais
  • 10 Dicas Matadoras para Escrever Headlines Irresistíveis

10 Dicas Matadoras para Escrever Headlines Irresistíveis

Asllan Maciel

Asllan Maciel

Asllan Maciel, Fundador do WP24Horas, Consultor de Marketing Digital e amante do Empreendedorismo Digital. Tem um caso de amor com o WordPress.

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Como escrever títulos impossíveis de não serem clicados

Não sei você, mas eu sempre clico nas “coisas”, principalmente quando tem aquelas chamadas que despertam curiosidade. É fato que headlines ou títulos otimizados, bem feitos, são capazes de atrair a atenção, provocar o clique, a interação.

Você já deve ter ficado encantado com algum produto, de qualquer tipo, por causa da embalagem ou design – e, nem sempre esses produtos podem ser realmente tão bons quanto parece. Mas, uma coisa é certa, produtos “piores” com embalagens “melhores”, tendem a ser mais consumidos que produtos “melhores” com embalagens “piores”. Não sei se você está entendendo, o que eu quero dizer é que suas headlines, assim como as embalagens precisam ser irresistíveis.

Consegue perceber o título deste post assim? O título deve agarrar a atenção do leitor e tornar impossível para eles resistirem em descobrir mais.

Se este post fosse intitulado por “Como escrever um título‘, então, é bem provável que você teria ignorado-o, mas agora você está aqui, lendo minhas “dicas matadoras“.

É evidente que nem todas estas táticas irão funcionar para todos os sites e cabe a você trabalhar com criatividade em suas headlines para que sejam mais atraentes para o seu público específico, mas, em geral, estas dicas são excelentes para começar. Outro detalhe é que você NUNCA deve enganar as pessoas! Seus títulos devem representar exatamente o que você entrega no conteúdo. Criar um título tecnicamente poderoso e não entregar o que ele promete, só vai aumentar a dissonância cognitiva, prejudicando sua credibilidade.

Você está pronto? Então, aqui vão as dicas… Você deve usar:

#1. Números “Ganham Prêmios”

Posts Listas são uma tática extremamente usada, mas a verdade “nua e crua” é que eles ainda funcionam.

E esta imagem da página inicial da Buzzfeed (Eles usam várias das técnicas que apresento aqui) mostra o quanto eles se baseiam em números para tornar seus posts “mais compartilháveis”:

BuzzFeed

As razões para a popularidade duradoura dos posts listas são bastante óbvias. As pessoas querem artigos de “fácil digestão”, e são muitas vezes curiosas para descobrir quais exemplos ou dicas estão na lista.

Agora, encontrar o número ideal é mais um desafio, no entanto, a julgar pelo que vejo por aí, parece que qualquer coisa acima de 10 faz a mágica acontecer.

#2. Adjetivos

Adicionar um adjetivo ao título tem um benefício óbvio, uma vez que faz o artigo soar mais emocionante e útil, mesmo que o conteúdo seja exatamente o mesmo, com ou sem o adjetivo. (Neste caso “matadoras” e “irresistíveis”)

Então, jogue alguns deles, como: incrível, impressionante, bonito, excelente, útil, brilhante, forte, sensacional, fantástico, único, precioso, maravilhoso …. a lista é interminável.

E também, quem pode dizer que essas dicas que você está lendo não são realmente matadoras? Essa é a beleza de incluir um adjetivo no título, é tudo subjetivo, e é improvável que alguém vai fazer uma queixa formal porque as dicas não são “matadoras” o suficiente. Consegue perceber o poder disso?

#3. Desperte sua Curiosidade

Nem todas os posts precisam ser listas, então, outra técnica é a de despertar a curiosidade do leitor, para que eles sejam compelidos a clicar e investigar.

Isto significa escrever declarações que fazem parecer que o leitor vai estar perdendo se não clicar no seu artigo.

Tome estes exemplos que achei no site Vídeos Virais. Eles são meio vagos e não dizem muito sobre o que está contido, mas eles fazem um bom trabalho de fazer o leitor se interessar em saber mais.

Vídeos Virais

#4. “Venda” os benefícios

Um título é como um mini-ponto de venda, assim, dizer ao leitor como ele se beneficia, pode ajudar a encorajar os cliques extras.

Por exemplo, “10 dicas impressionantes para escrever headlines” torna-se “10 dicas impressionantes para escrever títulos que irão impulsionar o seu tráfego.” Ou “16 métricas úteis de mídia social” torna-se “16 métricas úteis de mídia social que o seu CEO vai adorar.”

Você basicamente precisa explicar por que ler o post vai beneficiar o leitor ou tornar sua vida mais fácil, de alguma forma.

#5. Indicar nome de uma celebridade ou marca bem conhecida

A cultura da celebridade está viva e bem, então por que não explorá-la para seus próprios fins? Se você colocar o nome de uma celebridade no título, então é provável que as pessoas vão reconhecê-lo e querer descobrir o que a pessoa famosa está fazendo.

Mesmo que seja usando o nome de uma forma um pouco “obscura”, como “Guia do Justin Bieber para marketing digital” (rsrs), ele ainda vai criar curiosidade nas pessoas para saberem como você atribui uma ligação entre os dois.

O mesmo é verdade para nomes de marca. Percebo que escrever posts que atraem exemplos de grandes marcas, com certeza são capazes de gerar bom tráfego.

#6. Criar um Senso de Urgência

Às vezes a curiosidade não é suficiente (tem gente que não é tão curiosa mesmo) para levar as pessoas a clicarem em seus posts, por isso é bastante útil criar um senso de urgência também.

Uma maneira de fazer isso é sugerir que o leitor não será capaz de fazer algo corretamente, caso não tenham lido suas dicas ou exemplos.

Por exemplo, algo como “10 ações que você tem que tomar antes de configurar uma conta de Twitter”, “15 coisas que você deve fazer antes de escrever qualquer palavra” ou “Antes de enviar outro e-mail marketing, confira esses estudos de caso da (marca famosa, ou personalidade do nicho)”.

#7. Obedeça a regra dos 65 caracteres

Existem várias razões pelas quais você deve limitar suas headlines a 65 caracteres, porém as mais importantes são:

  • Google trunca títulos longos nos resultados de pesquisa.
  • O mesmo acontece com o Google News.
  • É melhor para o compartilhamento, já que títulos mais curtos permitem que os usuários retweetem e adicionem seus próprios comentários também.
  • Ele se encaixa em uma linha de assunto do email.

Usei e gostei desta ferramenta como contador de caracteres.

#8. Fazer uma pergunta

Nem sempre isso surte efeitos satisfatórios isoladamente, mas é uma boa maneira de misturar as coisas.

Isso tende a ser uma tática útil ao apresentar um estudo de caso ou Q&A, assim como algo ao longo das linhas de “O que é design responsivo e por que você realmente precisa disso?

#9. Como (How To)…

Assim como fazer uma pergunta, headlines “Como” são úteis para posts detalhando dicas ou estudos de caso.

Ela diz ao leitor que eles podem esperar aprender alguma coisa com a leitura do post, que deve seduzi-los a clicar no link e também o torna mais compartilhável.

Exemplos disso são “Como Coca-Cola usou o Twitter para impulsionar as vendas” ou “Como aumentar sua lista em três passos simples”.

#10. Use seu Analytics

Se você observar bem seu analytics, você pode identificar assuntos que o seu público está clamando por mais informações, e isso pode dar um impulso inesperado, mas bem-vindo no tráfego.

Depois de encontrar um tema quente, você pode encontrar inúmeras maneiras de encaixar a palavra-chave em um título, em seguida, sentar e assistir o fluxo de visitas.

Aprenda aqui Como usar o Google Analytics para melhorar seu site.

Conclusão

Veja este vídeo sobre o poder das palavras (Aqui está o artigo):

[video_player type=”youtube” youtube_remove_logo=”Y” width=”640″ height=”360″ align=”center” margin_top=”0″ margin_bottom=”20″]aHR0cHM6Ly93d3cueW91dHViZS5jb20vd2F0Y2g/dj1idHpuN0FPVDNRYw==[/video_player]

Para mim, nem tudo é sobre gerar tráfego, acima de tudo, nosso conteúdo precisa ser relevante para nossos leitores, e tem que ser bom, mas, se as pessoas querem saber mais sobre um assunto, então é nosso dever informar.

É certo que isso é muito mais sobre o conteúdo, pois é sobre o título, mas lembre-se do exemplo que dei da embalagem – Não importa o quão bom o conteúdo é, que você não vai conseguir as visitas sem um tópico quente no título, ou seja, um título realmente atraente.

A última dica que eu deixo, e que nem todo mundo sabe disso, ou não faz isso… Você pode voltar em cada post e reescrever seus títulos usando as técnicas que eu mostrei a você neste artigo. Não é porque estes posts são antigos que você não possa otimizá-los hoje.

Acesse seu blog, aplique estas técnicas, e volte aqui para contar como foi o resultado.

PS: Lembre-se que é fundamental instalar o Google Analytics no seu site para mensurar o retorno sobre estas técnicas.

Se quiser ler mais sobre títulos e hadlines, veja o post Como Escrever Títulos Impossíveis de Serem Ignorados, do Viver de Blog.

É isso… A dica de hoje foi sobre Copywriting, e vamos falar mais frequentemente sobre isso.

Até o próximo post,

Assinatura Asllan Maciel

0 responses on "10 Dicas Matadoras para Escrever Headlines Irresistíveis"

Leave a Message

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fale no WhatsApp!

Espere! Não vá embora...

Você tem a chance de Dominar Totalmente o Elementor – A principal ferramenta para Criação de Sites da atualidade.

Você vai aprender a criar sites simples ou complexos, e-commerces e conseguir tirar qualquer projeto do papel.

Economize 10% Agora!

Use esse Cupom no checkout:

Nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site (por meio de análise), mostrar a você conteúdo de mídia social e anúncios relevantes. Por favor, consulte nossa página Termos & Políticas para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'. OBS: Ao continuar a navegação, você, automaticamente, concorda.

Configurações de Cookies

Abaixo, você pode escolher os tipos de cookies que quer permitir neste site. Clique no botão "Salvar Configurações de Cookies" para aplicar sua escolha.

FuncionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalíticoNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de a.o. a usabilidade.

Mídia SocialNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

PublicidadeNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OutrosNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços que não são analíticos, mídia social ou publicidade.